Pular para o conteúdo
logo-sinai-aimobiliaria-rj
Início » Blog » Saiba como combater alguns perigos ocultos em seu condomínio

Saiba como combater alguns perigos ocultos em seu condomínio

  • por
Saiba como combater alguns perigos ocultos em seu condomínio

A verdade é que o perigo pode estar em todos os lugares. E no condomínio não teria como ser diferente, onde famílias dividem espaços que podem abrigar perigos ocultos.

Fica de responsabilidade do síndico estar atento aos detalhes e tomar providências para reduzir ou até mesmo, acabar com as vulnerabilidades, seja com obras no condomínio de prevenção ou reparação.

Garantia da segurança

Na correria do dia a dia, muitas vezes, o condomínio não se dá conta do que é necessário fazer para que tudo corra de forma tranquila e segura. A fiscalização, manutenção e obras eventuais precisam ser monitoradas pelo síndico, por ser o responsável pelo condomínio e segurança das pessoas e do patrimônio.

Segundo alguns especialistas em administração de condomínios, mesmo que se tenha protocolo de procedimento, podemos encontrar problemas que podem passar despercebidos na relação de manutenções e investimentos.

Diante desse cenário, o zelador, o síndico e os funcionários do serviço de limpeza, precisam redobrar a atenção para identificar problemas que podem surgir na estrutura.

Uma recomendação importante é olhar com atenção para áreas dos reservatórios d´água. Esses espaços não devem servir de armazenamento de entulhos e objetos que devem ser descartados.

Como proceder?

Diversos condomínios estão reformando esse tipo de local e instalando filtros nas entradas de água nos prédios. Pode parecer um investimento dispensável, mas tenha certeza que não é.

Pode até surgir dificuldade na hora da aprovação dessa despesa nas assembléias, mas vale muito a pena insistir um pouco, demonstrando a necessidade através de fotos e presença de técnicos que tenham conhecimento para explicar aos moradores, o quanto é realmente essencial para evitar problemas futuros.

Afinal, quem deseja ter prejuízos financeiros com situações de emergência mais custosas, não é mesmo? Reforce suas inspeções de rotina e se atente à presença de cupins na madeira ou no solo que são comuns, inclusive, nos quadros elétricos.

Caso tenha necessidade de reparos, contrate empresas qualificadas para efetuar o serviço. Procure por referências e certificações, que possam comprovar a idoneidade e cumprimento das exigências técnicas necessárias.

Outra situação que pode ocorrer é a detecção de ruídos e trepidações, causados por variações de pressão e vazão de sistema hidráulico. Esse é um tipo de problema que pode causar sérios danos às juntas e válvulas. O síndico tem o direito de entrar nos apartamentos com o intuito de vistoriar torneiras, barriletes, válvulas de descarga e registros. Em muitos casos, esses equipamentos estão em péssimas condições e podem provocar vazamentos.

Observe outros itens que precisam de atenção contínua:

  • Para-raios
  • Bombas
  • Telhados
  • Sistema de incêndio
  • Reservatório de água
  • Instalações elétricas e hidráulicas.

Prevenção é sempre a melhor escolha

Muitos problemas podem ser evitados antes que aconteça e se tenha prejuízos, mas alguns síndicos contratam serviços que “escondem” certos problemas que, mais na frente, acabarão aparecendo.

Um ótimo exemplo é a instalação de calhas em garagens que ficam em subsolos, para remediar estragos ocasionados por vazamentos acima dos veículos estacionados. Isso na verdade, está escondendo o real problema, porém não o resolve. No futuro, serão necessários novos investimentos para garantir a solução eficaz e definitiva do problema.

É sempre bom lembrar que as estruturas das vigas, não foram construídas para conviver com ação constante da água. Com o tempo, elas sofrem deterioração e vão precisa ser restauradas. Por isso, a qualquer indício de infiltração ou vazamento, busque uma avaliação de especialistas o mais rápido possível! Se receber indicação de impermeabilização, não deixe pra depois, contrate já o serviço!

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.