Fortaleça a Boa Convivência Condominial

9.jul, 2020 |
  • Sem categoria,
| Nenhum Comentário

O condomínio é uma opção atrativa para indivíduos e famílias em busca de um local seguro para moradia e uma gama de serviços diferenciados. A vivência nesse ambiente com variedade de pessoas e pensamentos requer paciência e conhecimento dos direitos e deveres individuais e coletivos.

A harmonia condominial advém de um sistema administrativo bem desenvolvido e uma gestão coesa, porém, é essencial que haja uma aderência às normas por parte do contingente populacional. Os condôminos são peças fundamentais do caminho para melhorias e é preciso que a comunicação entre eles obedeça aos princípios básicos de educação, simpatia e gentileza.

 

Em busca de aprimorar as condutas de boa vizinhança, é preciso que os moradores:

→ Respeitem sempre a lei do silêncio, procurando fazer atividades ruidosas dentro do horário permitido e ainda assim, procurar minimizar o impacto sonoro para as outras unidades;
→ 
Utilizem do bom senso em situações públicas: em áreas comuns como quadras, playground, halls, elevadores, respeitem o espaço alheio, as convenções morais sociais e o estatuto interno;
→ 
Estejam inteirados sobre a administração do condomínio e sejam pró-ativos quanto à participação em assembleias, reuniões e decisões que os afetam;
→ 
Sejam receptivos com novos moradores, estabelecendo desde o início, um relacionamento afetivo;
→ 
Reconheçam os trabalhos de todos os profissionais envolvidos na estrutura do lugar, buscando sempre tratá-los com educação, respeito e horizontalmente;
→ 
Desenvolvam laços com vizinhos. Um ambiente harmonioso vai além de normas escritas, a amizade, conversa e a troca de conhecimentos e ideias é fundamental para que todos possam usufruir de um espaço respeitoso e que preze pelas relações criadas.

 

Durante a pandemia, algumas formas de relacionamento foram readaptadas, fazendo com que seja experienciado um dia a dia diferente. Mais do que nunca, é preciso ter empatia por seus vizinhos e que haja um entendimento mútuo sobre o período.

Com mais tempo em casa, os barulhos precisam ser evitados, os shows em sacadas precisam ser conversados antes de realizados e os exercícios caseiros, feitos de forma a gerar o mínimo incômodo possível para a unidade debaixo. As regras que já precisavam ser respeitadas, são mais urgentes com o isolamento.

O cumprimento de todas as convenções sociais só é possível com a colaboração e presença ativa de síndicos e moradores.

 

0
0

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

CAPTCHA