Como implementar a coleta seletiva em condomínios?

5.nov, 2018 |
  • Notícias para Condomínios,
| Nenhum Comentário

A separação do lixo parece ser um assunto um tanto antigo, mas existem diversos locais que ainda não incluem essa atividade na rotina.

Este é um ponto muito importante em condomínios, afinal, pela grande concentração de pessoas a produção de lixo é maior. Desta forma, criar a consciência de separação do lixo é um dever social que precisa ser instituído no condomínio.

Promova a coleta dos resíduos após a separação prévia feita nos apartamentos. Desta forma, os moradores devem separar os recicláveis (papel, papelão, metal, plástico, caixas de leite, etc) dos orgânicos. Confira como funciona.

 

Comunicação com os condôminos

Os canais de comunicação são cruciais para separação efetiva dos materiais. Por isso, pode-se investir em envio digitais (SMS, e-mail, postagens em grupos nas redes sociais) ou físicos, como informes e banners nos elevadores e em locais de maior circulação.

Se o condomínio for menor, o síndico pode falar pessoalmente para os moradores ou até incluir o tema na pauta da assembleia.

Esses informes devem ser diretos e objetivos, explicando a importância da coleta seletiva em condomínios, o que deve ser separado e onde o lixo precisa ser depositado.

Além disso, uma palestra é útil para conscientizar os moradores. É possível planejar uma conversa com empregados domésticos dos apartamentos para repassar as informações necessárias à coleta seletiva.

Local de armazenamento

O espaço de armazenamento do lixo precisa ser grande o suficiente para alocar todo o lixo produzido pelos condôminos. O ambiente precisa ser fechado e limpo para evitar mau cheiro ou proliferação de bichos e o consequente surgimento de doenças. Containers de plásticos podem ser providenciais nesses casos.

Além disso, é preciso investir em placas que sinalizam a separação de lixo orgânico do reciclável. Em lixos menores, a cor das embalagens plásticas também podem ajudar nessa identificação.

Retirada dos materiais

O condomínio precisa definir um ou mais funcionários responsáveis pela retirada periódica dos lixos. Este deverá colocar os lixos no local e dia adequados para coleta.

Em alguns casos, os condomínios são contemplados pela coleta seletiva pública, em outros é preciso recorrer às empresas de coleta privada. Uma ótima ideia é firmar parceria com cooperativas ou catadores de lixo que saberão destinar o material reciclável para o local correto.

 

Fonte: Condo Brasil

0

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

CAPTCHA